domingo, 10 de maio de 2009

Sugestões...

Mais uma semana a começar.

Deixo aqui algumas sugestões para , talvez, fugir à rotina. Digo eu...







Bonitos não são!?
Agora não sei é se conseguimos ficar muito tempo em pé com eles!
Tenham todos uma óptima semana.


segunda-feira, 4 de maio de 2009

Observação e relato.....................

Observações de uma menina (8 anos), depois de ter recebido da sua mãe a espinhosa missão de vigiar escondida a sua irmã (17 anos), que teve permissão da sua severa mãe de poder namorar no sofá da sala.
Ela faz seu ingénuo e detalhado relatório de tudo que viu, ouviu e sentiu.

Mãe, a mana e o namorado dela apagaram a maior parte das luzes da casa e sentaram-se no sofá.
Ele chegou perto dela e começou a abraça-la. A mana deve ter começado a ficar doente, porque o rosto dela começou a ficar vermelho.
O namorado dela deve ter percebido que ela estava a sentir-se mal, porque ele pôs a mão dentro da camisola dela, acho que foi para sentir o seu coração, só que ele demorou muito para encontrá-lo!!!!
De repente, foi ele que começou a ficar doente, porque os dois começaram a ficar ofegantes, com falta de ar. Acho que a mão dele estava fria, porque ele colocou-a dentro da saia da mana, que se deitou no sofá dizendo que estava muito quente.
Depois de algum tempo consegui ver o que estava a pô-los doentes: era uma grande enguia, enorme, e tinha saltado de dentro do bolso das calças dele. Foi então que a mana agarrou a enguia com as duas mãos, acho que para evitar que ela fugisse.
De repente a mana deve ter ficado maluca, porque ela tentou comer a enguia. Acho que enguia é uma coisa muito dura e ruim de comer, principalmente viva, porque depois de algum tempo a enguia vomitou e saiu da boca da mana ainda inteirinha!!! O namorado da mana então, enfiou a enguia dentro de um saco plástico, tentando sufocá-la, a mana tentou ajudá-lo e deitou-se, prendendo a enguia entre as pernas, eles tentaram esmagar a enguia entre eles.
Mãe, eu confesso que fiquei assustada porque a mana gritava tanto e contorcia-se toda... Depois de muito tempo os dois soltaram um suspiro de alívio. Acho que conseguiram matar a enguia, porque eu vi-a pendurada de baixo da barriga do namorado da mana. A mana e o namorado sentaram-se no sofá e deram um beijinho e, quero que um raio caia na minha cabeça, se a enguia morta não ressuscitou e eles começaram a batalha novamente.
Acho que o namorado dela estava cansado, pois foi a mana que tentou esmagar a enguia desta vez, sentando-se em cima dela. Imagino que a mana é muito fraquinha, porque depois de algum tempo o namorado pediu para ela se deitar e voltou a tentar esmagar a enguia, mas dessa vez com muita força. Fiquei preocupada, porque a mana gritava muito. A enguia era tão grande que a mana gritava: 'Vai, vai, não para, não para'.
Depois de uns 40 minutos enfim o alívio: a enguia morreu!!!
O namorado da mana disse que tava todo esfolado e deitou a pele da enguia pela janela.
Mãe, eu estava aqui a pensar, acho que as enguias são como os gatos, têm sete vidas ou mais...

sábado, 2 de maio de 2009

Prémiozinho..................

Obrigado miguinho................................

segunda-feira, 27 de abril de 2009

E existe....???? Mesmo!!!

Pois...acho que já toda a gente mandou alguém para o dito sítio.....ou pelo menos em pensamento...e caso haja dúvidas sobre onde exactamente fica o local aqui vai......


E assim sendo...quando quiseres mandar alguém para o dito lugar...não ficas com "peso" na consciência de a pessoa não ter para onde ir!!!!!!!!

Puta que Pariu, existe e dá para a gente ir de autocarro!!! (Primeiro de avião)

Agora, quando alguém nos disser: "Vá pra Puta que Pariu!", não há mais problema, pois porque o lugar existe...

E é no Brasil...

"Fica na cidade de Bela Vista de Minas.... Perto de Joao Monlevade. MG!!! Bela Vista, uma cidadezinha cercada de mato no interior de Minas Gerais, claro no Brasil, é uma grande surpresa. Um dos bairros tem o nome de Puta que Pariu ...! Acredite se quiser! O município de Bela Vista de Minas foi criado pela Lei nº 2764, de 30 de Dezembro de 1962, desmembrando do município de Nova Era (New Era City), às margens do Corrego do Onça a Independência de Bela Vista de Minas.A cidade é divida em 7 bairros: Bela Vista de Cima, Lages, Serrinha, Córrego Fundo, Favela, Puta que pariu (que lugar é esse?), e Boca das Cobras (A Europa de Bela Vista)."

Podem pesquisar é facto verdadeiro!!!!!!!

Já imaginaram o padre da paróquia dizer que vai celebrar uma missa na Puta que Pariu?!

Ou:

- Onde pensas ir passar as tuas férias? - Vou para Puta que Pariu!! - Então desejo que tenhas umas excelentes férias na Puta que Pariu!!

- De onde és?? - Da Puta que Pariu!!


E pronto, desejo-vos então a todos uma semana da... maneira que vocês mais gostem...


sábado, 25 de abril de 2009

Sem eira nem beira




Assim vamos nós.........................

Gosto mesmo dos Xutos e Pontapés!!!!!!

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Avisos Paroquiais!!!















O que acabaram de ver, é, nada mais nada menos que uma serie de avisos colocados numa Igreja que por acaso até se situa relativamente perto daqui da minha cidade, posso dizer com toda a certeza que são verídicos, leiam reflitam e tirem as vossas conclusões, ilações e tudo o mais que quiserem retirar, depois, comentem também, beijinhos.

segunda-feira, 20 de abril de 2009

O Idiota e a Moeda

Conta-se que, numa cidade do interior, um grupo de pessoas se divertia com o 'idiota' da aldeia.


Um pobre coitado, de pouca inteligência, vivia de pequenos biscates e esmolas. Diariamente eles chamavam o 'idiota' ao bar onde se reuniam e ofereciam-lhe a escolha entre duas moedas: - uma grande de 400 REIS e outra menor, de 2000 REIS.

Ele escolhia sempre a maior e menos valiosa, o que era motivo de risos de todos.

Certo dia, um dos membros do grupo chamou-o e perguntou-lhe se ainda não tinha percebido que a moeda maior valia menos.

"Eu sei - respondeu o tolo. Ela vale cinco vezes menos, mas no dia que eu escolher a outra, a brincadeira acaba e não vou mais ganhar nenhuma moeda".

Podem tirar-se várias conclusões dessa pequena narrativa.

A primeira: Quem parece idiota, nem sempre é.

A segunda: Quais eram os verdadeiros idiotas da história?

A terceira : Se você for ganancioso, acaba por estragara sua fonte de rendimento.


"O maior prazer de um homem/mulher inteligente é armar-se em idiota diante de um idiota que se arma em inteligente".

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Bora lá...


E amanhã já é terça feira , mas para mim é como se fosse segunda................................................
Boa semana a todos


sexta-feira, 10 de abril de 2009

Páscoa

Para todos eu desejo:




Pascoa - Recados Para Orkut

terça-feira, 7 de abril de 2009

O que será??

Era uma vez um castelo onde vivia um rei.
glitters

O rei tinha uma bela filha, a princesa. Mas havia um problema.
Tudo o que a princesa tocava, derretia. Não importava o quê: metal, madeira, plástico qualquer coisa que ela tocasse iria derreter.

Por causa disto, os homens tinham medo dela. Ninguém se disponibilizaria a casar com ela.
O rei estava desesperado. O que ele poderia fazer para ajudar sua filha? Ele consultou seus feiticeiros e mágicos.
Um dos feiticeiros disse-lhe : “Se a sua filha tocar numa coisa que não derreta nas suas mãos, ela estará curada.”

O rei ficou maravilhado. No dia seguinte foi proposta uma competição. O homem que trouxesse à sua filha um objecto que não derretesse, casaria-se com ela e herdaria o reinado.

Três jovens príncipes toparam a disputa.

O primeiro príncipe trouxe um pedaço muito rígido de titânio. Mas... assim que a princesa o tocou, ele derreteu. O príncipe foi-se com tristeza.

O segundo príncipe trouxe um enorme diamante, pensando ser o diamante de substância muito dura que nada no mundo o poderia derreter.

Mas... logo que a princesa o tocou ele derreteu.
O príncipe se foi extremamente desapontado.

O terceiro príncipe aproximou-se e disse então à princesa:

“Ponha sua mão no meu bolso e sinta o que está lá dentro.”
A princesa fez como ele a disse, e de repente ela ficou vermelha. Ela sentiu algo duro.
Ela segurou-o na sua mão. E ele não derreteu!!!

O rei estava maravilhado. Todos no reino estavam maravilhados.
E então o terceiro príncipe casou-se com a princesa e viveram felizes para sempre.

Pergunta:
Qual era o objeto que estava na calça do príncipe?

Fico a aguardar as vossas respostas e sugestões... beijinhos e participem, depois eu digo qual a resposta verdadeira.

domingo, 5 de abril de 2009

Boa semana


Desejo a todos uma boa semana , a minha vais começar mais devagar...


Pois com um pé assim não dá para correr muito... este não é o meu pézinho , não, mas o meu tá muito parecido, é assim coisas da vida!


Beijokas para todos, e vá que esta semana é mais curtinha.

sábado, 4 de abril de 2009

PALAVRAS

O marido lê um artigo de uma revista à mulher sobre quantas palavras usam as mulheres por dia... 30.000 e os homens apenas 15.000!!

A mulher contesta: " Isso deve-se ao facto de termos que repetir tudo o que dizemos aos homens..."

O homem vira-se para a mulher e diz:

"O quê?"

Voltei meus amigos... cheia de saudades vossas. Muitosssssssssssssssssssssssss beijinhos para todos...



quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

"Sinceridade"...



Um dia, uma dona de casa levava uma garrafa de vinho para o almoço quando ao atravessar uma pequena ponte, o vinho caiu no rio. A mulher suplicou a Deus que a ajudasse. Ele apareceu e perguntou:

- Por que estás a chorar?

A mulher respondeu que sua garrafa de vinho tinha caído no rio.

E Deus entrou no rio, de onde tirou um CHATEAU PETRUS, e perguntou:

- É este o teu vinho?

A nobre mulher respondeu:

- Não, Deus, não é esse.

Deus entrou novamente no rio e tirou um DONA MÉCIA TINTO.

- É este?

- Também não, respondeu a dona de casa.

Deus voltou ao rio e tirou um vinho nacional seleção, e perguntou:

- É este teu vinho?

- Sim, respondeu a nobilíssima mulher.

Deus estava contente com a sinceridade da mulher, e mandou-a de volta para casa, dando-lhe os três vinhos de presente. Um dia, a mulher e seu amantíssimo marido estavam a passear no campo quando ele tropeçou e caiu ao rio. A infeliz mulher, então, suplicou a Deus por ajuda. Ele apareceu e perguntou:

- Mulher, por que estás chorar?

A mulher respondeu que seu marido caíra no rio.

Imediatamente Deus mergulhou e tirou o Rodrigo Santoro, e perguntou:

- É este o teu marido?

- Sim, sim, respondeu a mulher.

E Deus ficou muito furioso.

- Mulher mentirosa!!! - exclamou.

Mas a mulher rapidamente lhe explicou:

- Deus, perdoe, foi um mal-entendido. Se eu dissesse que não, então o Senhor tiraria o Gianecchini do rio; depois, se eu dissesse que não era ele, o Senhor tiraria meu marido; e quando eu dissesse que sim, era ele, o Senhor ia-me dizer para ficar com os três. Mas eu sou uma humilde mulher, e não poderia cometer trigamia... Só por isso eu disse 'Sim' para o primeiro deles.

E Deus achou justo, e a perdoou.

domingo, 1 de fevereiro de 2009

A mulher do bombeiro


O bombeiro chega em casa e diz à mulher:


- No quartel temos um sistema excelente. Ao tocar da primeira sirene juntamo-nos em equipes, com a segunda sirene descemos pela coluna e com a terceira subimos ao Caminhão-Tanque e sai­mos.

-A partir de hoje, quando eu disser 'primeira sirene' tiras as roupas, 'segunda sirene' vais para a cama e 'terceira sirene' fazemos amor.

No dia seguinte o bombeiro chega em casa e grita 'primeira sirene', a mulher tira a roupa, em seguida grita 'segunda sirene' a mulher deita-se na cama e por fim grita 'terceira sirene' e começam a fazer amor.

Depois de uns minutos a mulher grita 'quarta sirene' e o bombeiro exclama:

- Que raio é essa 'quarta sirene'?!!

E a mulher diz:
-Desenrola mais mangueira porque está muito longe do fogo!

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

A diferença na Evolução

MULHER vs HOMEM
Beijokinhas a todos e a todas que me visitam e tenham um óptima semana!!

domingo, 25 de janeiro de 2009

Opinião de um homem sobre o corpo feminino

"Não importa o quanto pesa.
É fascinante tocar, abraçar e acariciar o corpo de uma mulher. Saber seu peso não nos proporciona nenhuma emoção.
Não temos a menor idéia de qual seja seu manequim. Nossa avaliação é visual, isso quer dizer, se tem forma de guitarra... está bem. Não nos importa quanto medem em centímetros - é uma questão de proporções, não de medidas.

As proporções ideais do corpo de uma mulher são: curvilíneas, cheinhas, femininas... . Essa classe de corpo que, sem dúvida, se nota numa fração de segundo. As magrinhas que desfilam nas passarelas, seguem a tendência desenhada por estilistas que, diga-se de passagem, são todos gays e odeiam as mulheres e com elas competem. Suas modas são retas e sem formas e agridem o corpo que eles odeiam porque não podem tê-los.
Não há beleza mais irresistível na mulher do que a feminilidade e a doçura. A elegância e o bom trato, são equivalentes a mil viagras.
A maquiagem foi inventada para que as mulheres a usem. Usem! Para andar de cara lavada, basta a nossa. Os cabelos, quanto mais tratados, melhor.

As saias foram inventadas para mostrar suas magníficas pernas... Porque razão as cobrem com calças longas? Para que as confundam conosco? Uma onda é uma onda, as cadeiras são cadeiras e pronto. Se a natureza lhes deu estas formas curvilíneas, foi por alguma razão e eu reitero: nós gostamos assim. Ocultar essas formas, é como ter o melhor sofá embalado no sótão.
É essa a lei da natureza... que todo aquele que se casa com uma modelo magra, anoréxica, bulêmica e nervosa logo procura uma amante cheinha, simpática, tranqüila e cheia de saúde.
Entendam de uma vez! Tratem de agradar a nós e não a vocês. porque, nunca terão uma referência objetiva, do quanto são lindas, dita por uma mulher. Nenhuma mulher vai reconhecer jamais, diante de um homem, com sinceridade, que outra mulher é linda.
As jovens são lindas... mas as de 40 para cima, são verdadeiros pratos fortes. Por tantas delas somos capazes de atravessar o atlântico a nado. O corpo muda... cresce. Não podem pensar, sem ficarem psicóticas que podem entrar no mesmo vestido que usavam aos 18. Entretanto uma mulher de 45, na qual entre na roupa que usou aos 18 anos, ou tem problemas de desenvolvimento ou está se auto-destruindo.

Nós gostamos das mulheres que sabem conduzir sua vida com equilíbrio e sabem controlar sua natural tendência a culpas. Ou seja, aquela que quando tem que comer, come com vontade (a dieta virá em setembro, não antes; quando tem que fazer dieta, faz dieta com vontade (sem sabotagem e sem sofrer); quando tem que ter intimidade com o parceiro, tem com vontade; quando tem que comprar algo que goste, compra; quando tem que economizar, economiza.
Algumas linhas no rosto, algumas cicatrizes no ventre, algumas marcas de estrias não lhes tira a beleza. São feridas de guerra, testemunhas de que fizeram algo em suas vidas, não tiveram anos 'em formol' nem em spa... viveram! O corpo da mulher é a prova de que Deus existe. É o sagrado recinto da gestação de todos os homens, onde foram alimentados, ninados e nós, sem querer, as enchemos de estrias, de cesárias e demais coisas que tiveram que acontecer para estarmos vivos.
Cuidem-no! Cuidem-se! Amem-se!
A beleza é tudo isto."
Ser mulher é a maravilhoso.
E vocês concordam com o que o Paulo Coelho diz?
Paulo Coelho

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

É relativo

Porque tudo é relativo aqui fica um pequeno pensamento.


"Um cabelo na cabeça é muito pouco, no prato, é demais. "



Beijinhos para todos e uma óptima semana!

sábado, 10 de janeiro de 2009

As melhores Posições na Cama.









Como sabe tão bem estar no quentinho da nossa caminha deixo-vos aqui algumas sugestões, não era disto que estavam há espera ????!!!
Então era de quê?????!!!

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Medicina do povo (continuação)

O aparelho digestivo origina sempre muitas queixas:

"Fui operado ao panquecas".
"Tive três úlceras: uma macho, uma fêmea e uma de gastrina".
"Ando com o fígado elevado. Já o tive a 40, mas agora está mais baixo".
"Eu era muito encharcado a essa coisa da azia".
"Senhor Doutor a minha mulher tem umas almorródias que com a sua licença nem dá um peido". "Tenho pedra na basílica".
"O meu marido está internado porque sangra pela via da frente e pinga pela via de trás". "Fizeram-me um exame que era uma televisão a trabalhar e eu a comer papa".
"Fiz uma mamografia ao intestino".
"O meu filho foi operado ao pence (apêndice) mas não lhe puseram os trenos ( drenos ), encheu o pipo e teve que pôr o soma ( sonda )".
Os medicamentos e os seus efeitos prestam-se às maiores confusões:
"Ando a tomar o Esperma Canulado"- Espasmo Canulase.
"Tenho cataratas na vista e ando a tomar o Simião" - Sermion.
"Andei a tomar umas injecções de Esferovite" - Parenterovit.
"Era um antibiótico perlim pim pim mas não me fez nada" - Piprilim.
"Agora estou melhor, tomo o Bate Certo" - Betaserc.
"Tomo o Sigerom e o Chico Bem" - Stugeron e Gincoben.
"Ando a tomar o Castro Leão" - Castilium.
"Tomei Sexovir" - Isovir.
"Tomo uma cábulas à noite".
"Tomei uns comprimidos "jaunes", assim amarelados".
"Tomo uns comprimidos a modos de umas aboborinhas".
"Receitou-me uns comprimidos que me põem um pouco tonha".
"Estava a ficar com os abéticos no sangue".
"Diz lá no papel que o medicamento podia dar muitas complicações e alienações".
"Quando acordo mais descaída tomo comprimidos de alta potência e fico logo melhor".
"Ó Sra. Enfermeira, ele tem o cu como um véu. O líquido entra e nem actua".
"Na minha opinião sinto-me com melhores sintomas".
O que os doentes pensam do médico:
"Também desculpe, aquela médica não tinha modinhos nenhuns".
"Especialista, médico, mas entendido!".
"Não sou muito afluente de vir aos médicos".
"Quando eu estou mal, os senhores são Deus, mas se me vejo de saúde acho-vos uns estapores". "Gosto do Senhor Doutor ! Diz logo o que tem a dizer, não anda a engasular ninguém".
"Não há melhor doente que eu! Faço tudo o que me mandam, com aquela coisa de não morrer".
Em relação ao doente o humor deve sempre prevalecer sobre a sisudez e o distanciamento.
Senão atentem neste "clássico":
"Ó Senhor Doutor, e eu posso tomar estes comprimidos com a menstruação? Ao que o médico retorque:
"Claro que pode. Mas se os tomar com água é capaz de não ser pior ideia. Pelo menos sabe melhor."

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Medicina do povo

Carlos Barreira da Costa , médico Otorrinolaringologista da mui nobre e Invicta cidade do Porto, decidiu compilar no seu livro "A Medicina na Voz do Povo", com o inestimável contributo de muitos colegas de profissão, trinta anos de histórias, crenças e dizeres ouvidos durante o exercício desta peculiar forma de apostolado que é a prática da medicina.

(Vale a pena ler)_________________________________________________________________________

O Diálogo com um paciente com patologia da boca, olhos, ouvidos, nariz e garganta é sempre um desafio para o clínico:

"A minha expectoração é limpa, assim branquinha, parece com sua licença espermatozóides".

"Quando me assoo dou um traque pelo ouvido, e enquanto não puxar pelo corpo, suar, ou o c.....o, o nariz não se destapa".

"Não sei se isto que tenho no ouvido é cera ou caruncho".

"Isto deu-me de ter metido a cabeça no frigorífico. Um mês depois fui ao Hospital e disseram-me que tinha bolhas de ar no ouvido".

"Ouço mal, vejo mal, tenho a mente descaída".

"Fui ao Ftalmologista, meteu-me uns parafusinhos nos olhos a ver se as lágrimas saiam". "Tenho a língua cheia de Áfricas".

"A garganta traqueia-me, dá-me aqueles estalinhos e depois fica melhor". As perturbações da fala impacientam o doente:

"Na voz sinto aquilo tudo embuzinado".

"Não tenho dores, a voz é que está muito fosforenta". "Tenho humidade gordurosa nas cordas vocais".

Os "problemas da cabeça" são muito frequentes:

"Há dias fiz um exame ao capacete no Hospital de S. João".

"Andei num Neurologista que disse que parti o penedo, o rochedo ou lá o que é...".

"Fui a um desses médicos que não consultam a gente, só falam pra nós". "Vem-me muitos palpites ruins, assim de baixo para cima...".

"A minha cabecinha começa assim a ferver e fico com ela húmida, assim aos tombos, a trabalhar".

"Ou caiu da burra ou foi um ataque cardeal".

Os aparelhos genital e urinário são objecto de queixas sui generis:

"Venho aqui mostrar a parreca".

"A minha pardalona está a mudar de cor".

"Às vezes prega-se-me umas comichões nas barbatanas".

"Tenho esta comichão na perseguida porque o meu marido tem uma infecção na ponta da natureza".

"Fazem aqui o Papa Micau ( Papanicolau)?"

"Quantos filhos teve?" - pergunta o médico. " Para a retrete foram quatro, senhor doutor, e à pia baptismal levei três".

"Apareceu-me uma ferida, não sei se de infecção se de uma f..a mal dada".

"Tenho de ser operado ao stick . Já fui operado aos estículos". "Quando estou de pau feito... a p..a verga".

"O Médico mandou-me lavar a montadeira logo de manhã".

As dores da coluna e do aparelho muscular e esquelético são difíceis de suportar:

"Metade das minhas doenças é desfalsificação dos ossos e intendência para a tensão alta".

"O pouco cálcio que tenho acumula-se na fractura".

"Já tenho os ossos desclassificados".

"Alem das itroses tenho classificação ossal".

"O meu reumatismo é climático".

"É uma dor insepulcrável".

"Tenho artroses remodeladas e de densidade forte".

"Estou desconfiado que tenho uma hérnia de escala".

O português bebe e fuma muito e desculpa-se com frequência:

"Tomo um vinho que não me assobe à cabeça".

"Eu abuso um pouco da água do Luso".

"Não era ébrio nato mas abusava um pouco do álcool"

"Fujo dos antibióticos por causa do estômago.

"Prefiro remédios caseiros, a aguardente queimada faz-me muito bem".

"Eu sou um fumador invertebrado".

Amanhã postarei o restante texto.

domingo, 4 de janeiro de 2009

Recomeço

E vamos recomeçar...
Que o novo ano traga apenas felicidade para todos. Amanha é para mim e para muitos o primeiro dia de trabalho neste novo ano, entremos com os dois pés porque convém tê-los sempre bem assentes na terra.

Uma excelente semana para todos.

sábado, 3 de janeiro de 2009

Que moca...

Terá sido do binho...???